A Vontade Soberana

“Digno és, Senhor, de receber glória, e honra, e poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas”.
(Apocalipse 4:11).

            O versículo à cima declara:  “[...] porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas”. A vontade de Deus é Soberana, pela vontade do Senhor todas as coisas simplesmente são, e todas as coisas foram criadas, Deus tem vontades sobre nossas vidas, Ele tem sonhos e planos já escritos e determinados para cada um de nós.
            Aceitar a vontade de Deus não é fácil quando não nos agrada, se a vontade de Deus for eu comprar uma casa... Que ótimo, se a vontade de Deus for eu receber um aumento de salário... Que benção. Um carro novo? Maravilha. Mas e se a vontade de Deus for você amar quem já te prejudicou? Difícil aceitar. Se a vontade dEle for você ajudar e abraçar quem já te magoou? Difícil aceitar.  Se a vontade de Deus for você permanecer no mesmo emprego e ganhando pouco? Difícil aceitar. Você morando nas mesma e velha casa? Difícil aceitar. A mesma vida de sempre? Difícil aceitar. Mas porque é difícil aceitar se foi o Senhor que criou e desejou todas essas coisas para nossas vidas? Foi o Senhor que ansiou, devemos aprender a aceitar a vontade dEle para nossas vidas, “porque tu criaste todas as coisas... por tua vontade são...”, devemos adorar ao Senhor por “estas coisas”, devemos continuar a servi-Lo mesmo quando a  Sua vontade em nós não nos agrada.  A vontade de Deus nem sempre trará coisas maravilhosas e esplêndidas diante de nossos olhos, mas continuará sendo “A Vontade de Deus”. Seus planos e anseios para nossa vida são soberanos e sempre serão.Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco”.(1 Tessalonicenses 5:18).  Por isso, e muito mais, que Ele é digno de receber glória, e honra, e poder.
Precisamos orar e buscar, primeiramente, compreender a vontade do Senhor para nós, e então aceita-la. Antes de questionar a vontade de Deus, lembre-se sempre que a Sua vontade é perfeita, boa e agradável. “E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.” (Romanos 12:2). 

Comentários

Postagens mais visitadas