Dias assim

  Dias me vejo vivendo a mesma coisa, ás vezes as mesmas dificuldades de meses, e até anos. Onde vou chegar? Como será que vou concluir? - são meus pensamentos. Enquanto estou vivendo o "aqui" e o "agora", não sei do meu porvir.  Somente Deus sabe. Em dias e jornadas assim, eu preciso falar com Deus.  Senti em meu coração, em meio a dúvida e desânimo, dizer para Ele :"É possível eu me perder de Ti, mas você não me perde".  Deus não nos perde de vista, nós que nos perdemos dele, eu peço a Ele para que permaneça me olhando, e que eu permaneça olhando para Ele, o Autor e consumador da minha fé. Como diz o escritor de Hebreus, nas palavras que sempre cito e gosto... "Há uma carreira proposta" para mim e para você. Existe uma caminhada para o cristão que segue os passos de Cristo o Autor da fé, para que um dia possamos encontrá-Lo, vê-Lo face a face. Talvez , ou melhor, talvez não, essa é sem dúvidas a maior esperança do nosso porvir. Vejo que tenho que permanecer os dias focado no que Deus guardou para o final, o Reino.  Jesus disse que voltará para nos buscar e levar à morada que prometerá, lá na Casa do Pai há muitas moradas. Esta foi a promessa do sumo-sacerdote: nos levar para o lugar que fomos criados para estar no final de tudo.  Por isso as respostas para minhas perguntas precisam ser iguais as de Paulo: Encerrei a carreira, conclui um bom combate. Enfim cheguei ao Reino. 

Comentários

Postagens mais visitadas